Postagens

Mostrando postagens de 2014

CIENTISTAS COMPROVAM A REENCARNAÇÃO - A CIÊNCIA QUÂNTICA EXPLICA E COMPROVA QUE EXISTE VIDA NÃO FÍSICA(CONSCIÊNCIA QUÂNTICA) APÓS A MORTE

Imagem
Cientistas comprovam a reencarnação humana
Desde que o mundo é mundo discutimos e tentamos descobrir o que existe além da morte.
Desta vez a ciência quântica explica e comprova que existe sim vida (não física) após a morte de qualquer ser humano.
Um livro intitulado “O biocentrismo: Como a vida e a consciência são as chaves para entender a natureza do Universo” “causou” na Internet, porque continha uma noção de que a vida não acaba quando o corpo morre e que pode durar para sempre. O autor desta publicação o cientista Dr. Robert Lanza, eleito o terceiro mais importante cientista vivo pelo NY Times, não tem dúvidas de que isso é possível.
Além do tempo e do espaço
Lanza é um especialista em medicina regenerativa e diretor científico da Advanced Cell Technology Company. No passado ficou conhecido por sua extensa pesquisa com células-tronco e também por várias experiências bem sucedidas sobre clonagem de espécies animais ameaçadas de extinção.
Mas não há muito tempo, o cientista se envolveu co…

OS AVANÇOS DA CIÊNCIA DA ALMA

Imagem
Os avanços da ciência da almaUma pesquisa inédita usa equipamentos de última geração para investigar o cérebro dos médiuns durante o transe. As conclusões surpreendem: ele funciona de modo diferente DENISE PARANÁ, DA FILADÉLFIA, ESTADOS UNIDOS
MEDIUNIDADE SOB INVESTIGAÇÃO
Uma médium brasileira psicografa no laboratório do
Hospital da Universidade da Pensilvânia
(Foto: Denise Paraná/ÉPOCA) Estávamos no mês de julho de 2008. Na Rua 34 da cidade da Filadélfia, nos Estados Unidos, num quarto do Hotel Penn Tower, um grupo seleto de pesquisadores e médiuns preparava-se para algo inédito. Durante dez dias, dez médiuns brasileiros se colocariam à disposição de uma equipe de cientistas do Brasil e dos EUA, que usaria as mais modernas técnicas científicas para investigar a controversa experiência de comunicação com os mortos. Eram médiuns psicógrafos, pessoas que se identificavam como capazes de receber mensagens escritas ditadas por espíritos, seres situados além da palpável matéria que a ciência tã…

FILME LINHA MORTAL COM JULIA ROBERTS,CONTA COMO ESTUDANTES DE MEDICINA RESOLVERAM ATRAVESSAR A FRONTEIRA DA MORTE E VOLTAR À VIDA

Imagem
Depois de muita resistência, a ciência, desde  algum tempo a esta parte, tem sido mais flexível  ao narrar impressionantes relatos dos pacientes ressucitados em hospitais. Apesar das muitas coincidências nesses  relatos, ainda não se pode dizer nada de forma conclusiva.
Apenas como ilustração: Esta imagem é do filme Linha Mortal, protagonizado por Julia Roberts, e conta  como estudantes de medicina resolveram atravessar à fronteira da morte e voltar à vida. 
Cardiologista rompe silêncio da Ciência sobre relatos feitos por pessoas "ressucitadas" 
Acostumados a lutar contra a morte, dificilmente se esperaria, de profissionais racionais como os médicos, uma reflexão ao estilo de Hamlet, de Shakespeare, diante do fantasma do seu pai, sobre o que pode acontecer depois que a consciência abandona o corpo. Nos últimos tempos, porém, quando se tornaram freqüentes os casos em que massagens cardíacas e estimuladores elétricos restauram a consciência ou a vida de indivíduos clinicamente mo…

O MAIOR ESTUDO JÁ FEITO SOBRE OS PACIENTES RESSUSCITADOS INDICA CONSCIÊNCIA APÓS A MORTE

Imagem
O maior estudo já feito sobre pacientes ressuscitados indica consciência após a morte

A ideia de que a consciência pode continuar após o seu coração parar de bater e seu cérebro parar de funcionar é bem ousada e, naturalmente, enfrenta muito ceticismo. Porém, quanto mais os cientistas estudam o suposto fenômeno, mais certas tendências são reforçadas, dando-nos um vislumbre do que realmente pode ocorrer quando morremos. Uma equipe de cientistas da Universidade de Southampton, no Reino Unido, acaba de concluir um estudo de quatro anos com 2.060 pessoas que sofreram paradas cardíacas em 15 hospitais no Reino Unido, EUA e Áustria. Tendo conduzido entrevistas sobre suas memórias do acontecimento com cada uma das 330 pessoas que sobreviveram, os pesquisadores descobriram que 40% delas se sentiram “conscientes” no período de tempo em que foram declaradas clinicamente mortas. A equipe médica nos hospitais conseguiu reiniciar com sucesso os seus corações para que eles pudessem viver para contar …